Seu prazer é aqui. As melhores acompanhantes de Niterói/RJ.

Camile Garcia Gisele – Aceito Cartão Luiza Paes – Aceito cartão Mel Muniz Bela Adamatti – Aceito Cartão Geovanna Isabella Morena Alice Maia – Aceito Cartão Alícia Scarlett Gabi Sofia Paulinha Tais Ferraz
Blog Belas e Cia
Sexo anal: um guia da primeira viagem aos turistas mais experientes
12 set 2013

Sexo anal: um guia da primeira viagem aos turistas mais experientes
Técnicas e dicas para você alcançar o máximo prazer no sexo anal. Do beabá para os iniciantes à toques mais que picantes para os adeptos mais empolgados.

Antes de chegar ao destino final, você precisa deixá-la totalmente relaxada, pois é reação natural do músculo anal a contração. E, se você forçar, pode acabar fazendo ela desistir antes do melhor da viagem. Siga o nosso guia e divirta-se!

Deitem na posição de conchinha, com o bumbum dela encostado no seu pênis. Vocês vão passar um tempo só se esfregando, e o corpo dela vai entender que essa área é bem prazerosa. faça um oral caprichado, até deixá-la a ponto de chegar lá. Com direito a língua no clitóris e dedos na vagina. Passar a mão de leve pelo períneo durante o sexo oral é uma ótima maneira de preparar o terreno.

Se nunca antes na história da vida sexual dela ou sua, vocês se divertiram por esse ângulo, a dica é fazer ela se acostumar aos poucos. Depois de passar (muito) lubrificante, você pode introduzir um dedo devagar e, com calma, colocar o segundo. Troque o vaivém por movimentos circulares, mais leves.

Funciona mais ou menos como a série de musculação. Quando fica fácil, está na hora de aumentar a carga – nesse caso, o volume. Ela já se acostumou? Pode incluir mais um dedo na brincadeira e voltar ao bom e velho entra e sai.
Quem precisa de dedo? A língua faz um trabalho ótimo. Você deve passá-la por toda a superfície e utilizá-la para penetrar você. O popular beijo grego estimula lugares dos quais você nem sabia da existência (e vai adorar descobrir).
preparar para aterrissar. Ela já está pedindo por mais? Ótimo! Mas, não importa qual seja seu nível de expertise, é fundamental não se apressar, pois a região é sensível. Existem posições melhores para iniciantes ou experts.

Lubrificante não é luxo, é essencial. Nada de substituí-lo por saliva ou outro produto, como condicionador. A área é sensível mesmo e pede uma lubrificação constante – os líquidos vaginais não são suficientes e qualquer gambiarra pode resultar em alergia ou machucados. Sabe quando, em um filme pornô, o cara chega com tudo na mulher? Pura ficção. A princípio, ele deve introduzir só a cabeça do pênis e não movê-lo até que os músculos estejam relaxados. Masturbe-a. Você vai sentir o dobro de prazer e relaxar mais rápido. Estimule principalmente o clitóris.( só não deve usar a mão que estava no ânus!).

Comece de ladinho. “Nessa posição, a penetração não é muito profunda”, diz a sexóloga Carla Cecarello, de São Paulo. Para variar, faça o bom e velho papai e mamãe, com uma almofada sob o bumbum e os joelhos ou pernas encostando no seu peito. Assim, ela terá o controle sobre a profundidade.
Ficar por cima parece ser uma boa ideia, já que ela pode comandar o ritmo da penetração. Mas não se engane: “A posição exige um pouco de prática, pois garante muito mais profundidade e dificulta o encaixe do pênis”, diz a terapeuta Júlia Silva, do Rio de Janeiro. Uma opção é deitar de bruços com uma almofada sob a barriga e você penetrá-la por trás.

Sexo anal é comumente associado à posição cachorrinho, a mais indicada se você já dominar o assunto. O homem tem total controle da situação e ela permite uma penetração profunda. Mas não custa avisar para você conter a empolgação…
Você já explorou o corpo dela por trás (ops!) pra frente. Você mandou bem até aqui e deixou ela superexcitada. Lá vão dicas para o momento em que a viagem fica muuuito mais animada. Pode pedir seu cartão fidelidade.

Escolha um dildo (sex toy em forma de pênis) com base mais larga e achatada. Você já deve ter ouvido histórias constrangedoras envolvendo brinquedos e sexo anal. Essa dica evita que você protagonize uma delas. Dildos de vidro, metal ou madeira são perfeitos para estimular a região, porque deslizam com mais facilidade e podem ser usados com lubrificantes de silicone. Jamais ponha o sex toy do ânus na vagina. Há riscos sérios de infecção! O ideal é ter um para cada parte, mas, se for usar o mesmo, lave bem com água e sabonete antibacteriano.

Muito cedo para um brinquedo erótico? Divirta-se com uma camisinha texturizada, que tem feito incrível na hora de explorar o lado B. Mas não fuja dos plugs anais! Também conhecidos como minidildos, eles têm a ponta mais fina e vão engrossando em direção à base, o que facilita o encaixe. Há também os parecidos a um pênis em miniatura. Alguns até vibram.

Aposte nas contas — são bolinhas (de plástico ou silicone) que ficam ligadas umas às outras e vão aumentando de tamanho ao longo do fio. Também use os vibradores específicos para a região anal. Eles têm a base mais larga e controle remoto para regular a vibração.

Os dildos para o ânus são incríveis porque têm uma textura que permite o máximo de estimulação. Invista nos dildos e vibradores. Use um enquanto estimula o clitóris e ela vai ter o melhor orgasmo da vida dela.

E o sexo anal será incrivél. Boa Sorte!

Buscar »

Arquivos »

Seguidores »

Tags »

Este site é, única e exclusivamente, um veículo de comunicação entre pessoas, e não tem nenhum vínculo com seus anunciantes que são, também, responsáveis únicos pelas informações contidas em seus respectivos anúncios bem como pela garantia de que são maiores de idade. Belas e Cia NÃO É AGÊNCIA e não assume nenhuma responsabilidade pelo conteúdo dos anúncios ou pelas respostas a qualquer um deles.
© Copyright 2018 :: www.belasecia.com :: Todos os direitos reservados